Toda Forma de Amor - Sambô

Sangue Bom (Novela)

  • Genero: Trilhas
  • Website: Não informado.
  • Nacionalidade: Brasileira
  • Enviado por: Defensora

Letra da música

Sangue Bom (Novela) - Toda Forma de Amor - Sambô

Música enviada por: Defensora

Eu não pedi pra nascer
Eu não nasci pra perder
Nem vou sobrar de vítima
Das circunstâncias
Eu tô plugado na vida
Eu tô curando a ferida
Às vezes eu me sinto
Uma bola encolhida

E a gente vive junto
E a gente se dá bem
Não desejamos mal a quase ninguém
E a gente vai à luta
E conhece a dor
Consideramos justa toda forma de amor

Nanana, nanananan, nanana [...]
Yeah...

Eu não pedi pra nascer
Eu não nasci pra perder
Nem vou sobrar de vítima
Das circunstâncias
Você não leva pra casa
E só traz o que quer
Eu sou teu homem
Você é minha mulher

E a gente vive junto
E a gente se dá bem
Não desejamos mal a quase ninguém
E a gente vai à luta
E conhece a dor
Consideramos justa toda forma de amor

letrasdemusicas.com.br Esta letra foi retirada do site www.letrasdemusicas.com.br

Informações da música

Avaliação:
Acesso(s):
Ponto(s):
Média de pontos:
Fãs(s):
Observações: Tema de abertura

Vídeo clips de Sangue Bom (Novela)

Carregando...

Digite o clip (música) que deseja assistir e aguarde:

  1. FAQ
  2. Política de privacidade
  3. Anuncie aqui
  4. Fale conosco
  5. Como funciona?

©2003 - 2014 Letras de Musicas.com.br. Todos os Direitos Reservados.

A música Toda Forma de Amor - Sambô de Sangue Bom (Novela) como todas as outras, são de propriedade da banda sendo permitido somente a visualização das letras de música encontradas no Letras de Músicas, vedada sua reprodução e cópias através de qualquer outros meios. (Lei 9610/98)